Como Ganhar Dinheiro Trabalhando em Casa

Mimo Crafts

Publicado em setembro 23, 2021

23

Olá, mamãe! Está à procura de uma forma de gerar renda em casa, ter independência financeira, mas fazer o seu próprio horário? Então, seus problemas acabaram, pois vamos te mostrar como ganhar dinheiro trabalhando em casa.

 

Como Ganhar Dinheiro Trabalhando em Casa

 

Sendo assim, você vai ver como é possível fazer tudo isso conciliando o serviço com a rotina maluca de uma mãe. Pois, a gente sabe que educar as crianças, cuidar das tarefas domésticas e ter um trabalho pode ser um grande desafio. Mas, tem solução, viu?

Ou seja, sabemos o quanto é importante para você estar perto do seu filho. E, por isso, vamos te ajudar a conseguir trabalhar em casa, com o que você gosta e ainda ser independente financeiramente. Assim, você vai ter liberdade de gastar seu dinheiro como bem entender.

É isso mesmo que você leu! Ou seja, você chegou ao lugar certo para ter uma oportunidade de crescer profissionalmente sem sair de casa. Sendo assim, vamos te ajudar a encontrar a sua salvação agora.

Então, continue a leitura até o final, pois você vai aprender a continuar cuidando da sua família enquanto ganha dinheiro produzindo sua própria renda mensal.

Como Ganhar Dinheiro com Artesanato

Já pensou em trabalhar com artesanato? Essa área que tem ótimo retorno financeiro. Então, é possível ganhar dinheiro trabalhando em casa produzindo e vendendo produtos personalizados.

 

Como Ganhar Dinheiro Trabalhando em Casa com Lembranças Personalizadas

 

Para conquistar sucesso artesanal, basta ter dedicação e interesse. Inicialmente, nem é preciso investir em equipamentos caros para produzir. Pois, você pode começar apenas com poucos materiais baratos, como:

  1. Papéis Coloridos;
  2. Tesoura Profissional;
  3. Estilete Profissional;
  4. Régua para Corte Profissional;
  5. Base de Corte Regenerativa ( que não vai estragar quando você cortar com estilete em cima dela);
  6. E uma cola, por exemplo.

Exemplo disso é o tutorial Como Fazer Caixas Personalizadas com Tesoura, da Fernanda Estevão, do Time dos Sonhos Mimo Crafts. Pois, ele ensina a criar produtos incríveis para vender usando esses materiais.

 

Como fazer Caixas Personalizadas com Tesoura

 

Outra oportunidade de retorno financeiro com artesanato são as pequenas festas personalizadas realizadas em casa na pandemia. Pois, as pessoas costumam comprar decorações e lembrancinhas customizadas com bom custo-benefício.

Os personalizados do seu trabalho vão atender essa demanda para você ganhar dinheiro em casa.

Mais uma ideia do que você consegue fazer em casa é topo de bolo personalizado como o abaixo. Para aprender a criá-lo, é só acessar o post Como Fazer Topo de Bolo Em Camadas, também da . Ele tem molde grátis.

 

Veja Como Fazer Topo de Bolo Em Camadas – Arquivo Grátis

 

Além disso, as compras online estão em alta. Isso facilita e barateia o contato com clientes, já que elimina gastos com aluguel de loja física. É só lucrar.

Por isso, aproveite essa oportunidade para iniciar seu trabalho no mercado artesanal. Você pode ter crenças limitantes assombrando sua mente nesse momento. Por exemplo, está achando que não leva jeito para isso?

Para fazer sonho virar realidade , é preciso ação. Ou seja, para tirar o projeto do papel e dar vida a ele, ignore crenças limitantes, saia da zona de conforto e comece a ganhar dinheiro.

Como Ganhar Dinheiro Trabalhando em Casa com Criatividade

Além disso, a criatividade não é um empecilho para você colocar esse trabalho em prática. Todo mundo é criativo! Suas ideias só precisam ser estimuladas para que se tornem um grande sucesso.

Por isso, é importante já começar a seguir perfis de artesãs no Instagram e no Pinterest para se inspirar sempre. Sendo assim, confira no vídeo abaixo do Canal Mimo Crafts no YouTube 5 Passos para Exercitar a Sua Criatividade.

 

 

O interessante do artesanato é que você pode começar com o básico e ir inovando em suas criações de acordo com o seu desejo e condições.

6 Vantagens de Trabalhar em Casa

Além de ter liberdade para criar os seus produtos, ao trabalhar em casa, você consegue:

  1. Organizar o seu tempo;
  2. Suas demandas de serviços;
  3. Colocar o seu preço e o valor do seu esforço;
  4. Escolher quais tipos de pedidos vai querer atender;
  5. Selecionar os clientes que irá atender;
  6. E o mais importante de tudo isso, ser sua própria chefe, sem ter ninguém te cobrando e nem mandando em você. Isso é um sonho, não é mesmo?

Desta forma fica muito mais fácil conciliar a sua rotina com esse novo projeto que você está prestes a realizar!

Tipos de Artesanato para Vender

Agora, você já sabe que o artesanato é uma ótima opção para ganhar dinheiro trabalhando em casa. Então, é só pensar no nicho de criações artesanais em que você irá se especializar. Pois, quem faz de tudo, não é ótimo em nada. E, no fim das contas, o que não é ótimo não conquista fidelidade de cliente.

 

Como Ganhar Dinheiro Trabalhando em Casa com Artesanato Natalino

 

Portanto, é hora de definir o que quer produzir e escolher as opções de produtos artesanais que comporão o seu portfólio. Mas, uma boa dica é focar no que já possui facilidade para conquistar muitos clientes de forma mais rápida.

Portanto, deixe o que você sente desejo em desenvolver mas ainda não tem habilidade para um segundo momento. Mas, se você ainda não sabe fazer nenhum tipo de artesanato, essa é a hora de aproveitar nossos passo a passos para aprender.

Porém, inicialmente, foque em aprender e se especializar em só um tipo. Depois, se for o caso, você expande seus negócios. Pois, isso vai te ajudar a ficar craque mais rápido na sua arte.

18 Ideias para Ganhar Dinheiro em Casa

Aqui vão algumas dicas de setores com oportunidades lucrativas para você investir dentro do mercado de artesanato. Escolha a que mais tem a ver com você e comece a faturar agora mesmo:

1 – Lembrancinhas Personalizadas para Festas

Como te mostramos acima, até dá para fazer artesanatos sem equipamentos mais robustos.

Contudo, se você puder investir um pouco mais, uma máquina de fazer lembrancinhas personalizadas para festas pode ser uma mão na roda. É o que te mostramos no post da imagem a seguir.

 

Como Ganhar Dinheiro Trabalhando em Casa Com Máquina de Fazer Lembrancinhas Personalizadas

 

Também é possível criar e vender as famosas festas na caixa, que se popularizaram tanto agora com o isolamento social. Veja como fazer aí na sua casa no tutorial do vídeo abaixo:

 

Há ainda a possibilidade de você investir em uma máquina de fazer convites personalizados, principalmente agora que as festas de casamentos, 15 anos, formaturas e batizados estão voltando com tudo. Assista como é fácil no vídeo abaixo:

 

Você tem também a possibilidade de comercializar apenas caixas de presentes personalizadas, como a gente também te ensinar a fazer nesse outro vídeo.

 

 

2 – Artesanatos para vender em datas comemorativas sazonais.

No post da imagem abaixo (clique para ler), você confere diversos passo a passos, alguns até com moldes grátis, para você produzir lembrancinhas personalizadas desse tipo.

Aprenda a Fazer Produtos Personalizados para Vender nas Datas Comemorativas

Outra ideia nesse sentido são lembrancinhas afetivas como essa do dia dos avós.

 

Como Fazer Lembrancinha Dia dos Avós – Molde Grátis Cricut

 

3 – Como Ganhar Dinheiro Trabalhando em Casa Home Decor

Itens para fazer home decor de casa e eventos são um sucesso! No post abaixo, por exemplo, a Pri Sathler, do nosso Time dos Sonhos Mimo Crafts, te ensina como fazer uma luminária de parede feita com papel.

Saiba Como Fazer Luminária de Parede

 

Nesse outro passo a passo a Paty Moura, também do Time dos Sonhos, te mostra como é fácil fazer quadro de acetato personalizado. E fica lindo!

 

Aprenda Como Fazer Quadro Artesanal – DIY Fácil com Acetato

 

E por último, mas não menos importante, a Pri te explica o passo a passo para fazer esses incríveis nichos de parede personalizados com papel colorido.

 

Saiba Como Fazer Nicho de Parede na Cricut – Molde Grátis

 

4 – Como Ganhar Dinheiro Trabalhando em Casa com Bijuterias Personalizadas

Bijuterias personalizadas também são bem tranquilas de fazer para obter uma ótima fonte de renda. No post a seguir, a Pri te mostra como fazer esse lindo colar de feltro artesanal.

Aprenda a Fazer Colar de Feltro – Molde Grátis Cricut Maker

E nesse outro conteúdo, ela te ensina a fazer brinco de couro para vender.

 

Brinco de Couro: Como Fazer Bijuteria Passo a Passo

 

5 – Canecas Personalizadas

Outros itens com ótima saída para ganhar dinheiro trabalhando em casa são artesanatos como as canecas personalizadas.

Nesse post, por exemplo, você aprende como fazer caneca personalizada com vinil adesivo, bem como uma caixa de presente. Assim, você oferece uma solução ainda mais completa para o seu cliente. E tem molde grátis, claro!

 

Saiba Como Fazer Caneca Personalizada para o Dia dos Professores

 

Neste outro passo a passo, a Maira Pereira, que já foi do nosso time, mostra na prática como é fácil fazer canecas personalizadas com Vinil Adesivo cortado na Cricut.

 

 

6 – Velas Personalizadas

A Fê Estevão, também publicou um tutorial mágico ensinando a fazer velas personalizadas com Papéis Fotográficos Imprimíveis Mimo.

 

Como Personalizar Velas

 

7 – Mouse Pad Personalizado

A Mih Pocket também ensinou como fazer Mouse Pad Personalizado com Sublimação. Assista ao tutorial no vídeo abaixo:

 

 

8 – Garrafas Personalizadas com Vinil Adesivo

Garrafas Personalizadas são outros produtos bem fáceis de fazer em casa para vender e que os clientes procuram o ano todo para comprar. Você pode personalizar com nomes das crianças, para evitar que elas percam na escola.

Também é possível vender garrafinhas customizadas para presentes. E até como brindes empresariais. Nesse último caso, ter um CNPJ de MEI pode ser um facilitador para você poder atender empresas, conforme te explicaremos mais para frente neste post.

No vídeo abaixo, a Pri te mostra como personalizar garrafinhas com Smart Adesivo Vinil Cricut é muito fácil de fazer na Plotter de Corte Compacta Cricut Joy.

 

 

Nesse outro tutorial em vídeo, é a Mih Pocket que te ensina a personalizar garrafas para vender. Contudo, ela te mostra essa técnica com os Vinis Adesivos Convencionais.

 

 

9 – Chaveiros Personalizados

Por outro lado, outro produto superútil que todo mundo compra o tempo inteiro são os chaveiros personalizados. Tem cliente que compra até mais de um chaveiro, um para cada tipo de chave: de casa, da casa de praia, da casa dos pais, do carro, do trabalho, etc.

Ou seja, o que não falta é demanda para você atender. Então, para te ajudar a vender para esse publico trabalhando em casa, a Mih Pocket ensina a fazer e estampar chaveiros com a Miniprensa Térmica Easy Press Cricut.

 

 

10 – Como Ganhar Dinheiro Trabalhando em Casa com Adesivos Personalizados

Outra variedade de artesanato perfeita para você fazer e ganhar dinheiro em casa é composta pelos adesivos personalizados. No inicio do ano, eles são muito procurados pelas mães que chegam com as demandas de volta ás aulas dos filhos.

Ou seja, nessa época, muitas delas encomendam adesivos personalizados para identificar os cadernos e outros materiais escolares dos filhos. Mas, essa não é a única demanda de adesivos personalizados que você pode atender.

Muitas pessoas também encomendam adesivos personalizados para identificar potes de condimentos e caixas organizadoras de armários. Você também pode fazer adesivos personalizados para sinalização de portas e ambientes empresariais.

Dessa forma, no vídeo abaixo, a Paty Moura te apresenta a melhor máquina de fazer adesivos personalizados para vender. Ela também te ensina como fazer vários DIY com diversos tipos de adesivos para artesanato.

 

 

11 – Imãs Personalizados

Imãs personalizados sempre são requisitados pelas pessoas que gostam de uma geladeira, cozinha ou até mesmo de painéis de fotos magnéticos personalizados. Portanto, é um tipo de produto artesanal que te possibilita vender muito.

Como a Mimo está sempre em busca de te ajudar com inspirações de como ganhar dinheiro trabalhando em casa, a gente encomendou o tutorial abaixo. Nele, a Paty Moura te ensina a fazer um lindo calendário de imã de geladeira personalizado.

Além disso, nesse tutorial, ela usou o Papel Fotográfico Magnético Mimo – Brilho – A4 – 5 Unids. E o cortou na Máquina de Cortar Imã Cricut.

 

 

12 – Brinquedos Personalizados

Sobre tudo agora, na pandemia, por causa do isolamento social, os pais têm buscado alternativas de brinquedos personalizados mais baratos para os filhos passarem o tempo livre em casa.

Primeiro, pois as opções no mercado são sempre mais do mesmo. Além do que, a criançadas já anda muito viciada em celular e videogames. E no mais, os brinquedos personalizados costumam incentivar as brincadeiras em família e a diversão entre irmãos, se tornando um momento diferenciado de confraternização.

Sendo assim, você pode investir nesse mercado e, assim, ganhar dinheiro trabalhando em casa produzindo brinquedos artesanais. No vídeo abaixo, a Paty te ensina a fazer um criativo jogo da velha de EVA, por exemplo.

 

Nesse outro blogpost a Pri ensina a fazer um jogo da memória de feltro personalizado com sublimação feita com a Linha Infusible Ink Cricut.

 

Como Fazer Brinquedo Personalizado

 

Nesse outro post, a Fernanda Estevão te ensina a fazer um jogo da velha de papel colorido como opção de presente de Dia das Crianças. Contudo, repare que esse é feito 100% de papel e que a própria caixa das peças do joguinho já é o tabuleiro de brincar. Incrível, né?

 

Como Fazer Jogo da Velha Personalizado

 

13 – Roupas e Acessórios Personalizados

Investir em estamparia e costura também é bem rentável.
Nesse outro post, te contamos os 10 Motivos para Iniciantes Trabalharem com Feltro.

 

10 Motivos para Trabalhar com Feltro para Iniciantes

A Pri também criou um tutorial de como fazer bolsa personalizada com transfer em casa.

 

Como Fazer Bolsa Personalizada – DIY na Cricut

 

Nesse outro vídeo, a Paty mostra alguns materiais que facilitam o corte e a costura feitos em casa e que vendemos na Loja Mimo Crafts.

 

Por outro lado, a Mih Pocket, ensina como fazer necessaire personalizada com a Prensa Térmica Cricut Easy Press.

 

A Pri também te mostra como customizar roupas com Transfer para Tecido.

 

Como Ganhar Dinheiro Trabalhando em Casa com Roupas Personalizadas

 

 

Essa genialidade em pessoa chamada Pri também fez um passo a passo mostrando como fazer máscara de tecido personalizada com transfer.

 

Como Ganhar Dinheiro Trabalhando em Casa com Máscaras de Tecido

 

 

14 – Vender Sapatos Personalizados

Outra gênia do nosso Time dos Sonhos é a Mih, que te ensina como personalizar sapatos com Miniprensa Térmica Easy Press no vídeo abaixo:

 

15 – Vender Capinhas Personalizados para Celular

Nesse primeiro vídeo, a incrível Paty te explica como é fácil personalizar capinhas de celular com Vinil Adesivo.

 

Usando essa mesma técnica, a Mih ensinou a fazer outros modelos de cases personalizadas para smartphones que você pode vender. Ela também tirou dúvidas ao vivo.

 

16 – Como Ganhar Dinheiro Trabalhando em Casa com Encadernação

Um artesanato muito útil e que muitas artesãs sempre fazem em casa e vendem muito todos os anos são os planners personalizados. E é claro que a Mih Pocket também te ensina a fazer um planejador permanente incrível e com molde grátis no vídeo abaixo.

 

17 – Como Ganhar Dinheiro Trabalhando em Casa com Scrapbook

Criar e vender projetos de Scrapbook também pode ser um negócio altamente lucrativo. Veja no vídeo abaixo como fazer essa arte e quais materiais usar para isso.

 

Por falar nisso, uma ótima ferramenta para personalizar artesanatos de papel e scrapbooks é o Kit de Aerógrafo Elétrico USB Mimo. Confira como é fácil trabalhar com ele nesse víde

 

18 – Balões Personalizados com Vinil Adesivo

Um personalizado que tem alta procura o ano todo são os balões personalizados. Pois, os clientes fazem encomendas para diversos fins: festas personalizadas, datas comemorativas, eventos empresariais e muito mais!

Então, eles compõe uma ótima chance de você ganhar dinheiro trabalhando em casa. Pois, você pode fazê-los usando um material que rende bastante chamado Vinil Adesivo em Rolo. É o que você aprenderá no vídeo a seguir:

 

Cupom de Desconto para Comprar Materiais para Trabalhar em Casa

Realize o seu sonho de ter uma plotter de recorte ou uma prensa térmica Cricut ou uma Mimo Embossing ou Mimo Stamping!

É só clicar nesta imagem aqui embaixo para ganhar um cupom de desconto para comprá-las agora mesmo na Loja online Mimo Crafts!

 

Cupom de desconto Loja Mimo Crafts

Como Ganhar Dinheiro Trabalhando em Casa Sem Crenças Limitantes

Se você já está pensando que não vai conseguir, calma! Vai dar tudo certo! Você já sabe o quanto a criação de artesanato está dando um retorno positivo e já conseguiu ter ideias do que você pode produzir para alcançar as suas vendas, certo? Então, já é meio caminho andado.

Para facilitar ainda mais essa sua conquista, acesse os arquivos grátis do nosso blog e encontre várias dicas de produções de artesanatos personalizados. Temos diversos itens para você começar a se inspirar, com a indicação de todo o material necessário e passo a passo.

No entanto, se você é daquelas que aprende com mais facilidade através de vídeo, temos o canal Mimo Crafts com muitas dicas de como usar os equipamentos, materiais e criações artesanais. Agora vai ser bem mais fácil, né?

Como Ganhar Dinheiro com Artesanato na Internet

Depois de te mostrar opções de produtos personalizados para você produzir em casa, é hora de te ensinar a vendê-los. Por isso, vamos te mostrar dicas de como ganhar dinheiro com artesanato na internet.

As vendas online são estratégicas para quem está começando, pois você consegue alcançar seus clientes sem que eles precisem sair de casa. Assim, você também economiza dinheiro já que não precisa alugar um espaço e manter uma loja física.

Você deve estar pensando que isso só possível de se fazer investindo uma grana alta na criação de uma loja online profissional para seu negócio. Mas, isso é algo supérfluo, ou seja, dá para começar a vender na internet sem gastar dinheiro.

1 – como ganhar dinheiro trabalhando em casa com Loja online

Existem duas plataformas muito usadas por empreendedores iniciantes na hora de criar loja online com templates prontos. Tudo isso, de forma fácil, prática e gratuita.

Uma delas é usar a WIX e-commerce, uma plataforma online que te permite escolher templates grátis por seguimento de loja online.

Vantagens de Usar WIX
  1. Uma das vantagens do WIX é que ele é 100% em português;
  2. É muito simples e intuitivo de mexer, pois possui um sistema fácil de arrastar e soltar, por meio do qual você pode selecionar qualquer elemento da página, editá-lo e arrastá-lo para onde quiser;
  3. Possui ferramentas que facilitam na gestão de suas vendas em um só painel;
  4. Pode ser gerido de qualquer lugar;
  5. Já vem com interface adaptada para dispositivos mobile, isso é, feito em responsive design. O que significa que a experiência de navegação e compra de seus clientes não será prejudicada se, ao invés de acessarem pelo computador, eles optarem por entrar na sua loja pelo celular ou tablet.

 

Desvantagens do Wix
  1. No plano gratuito, você não pode ocultar o nome do Wix no seu domínio próprio, ou seja, o endereço do seu site será parecido com esse exemplo: usuário.wix.com/nomedosite. A menos que você pague por uma conta premium;
  2. Possui apenas cerca de 200 plug-ins/aplicativos para você personalizar funções da sua loja de forma automatizada.
    Os plug-ins são softwares e ou ferramentas de terceiros para SEO (ranqueamento orgânico no Google), integrações com outros sistemas e até mecanismos que otimizam a velocidade do seu site;
  3. Oferece apenas um pouco mais de 500 temas prontos, entre gratuitos e pagos;Como Ganhar Dinheiro Trabalhando em Casa Criando Loja no Wix
  4. É o menos recomendado pelos especialistas e consultores de marketing digital, pois por ser limitado quanto a programação, a medida que o seu negócio crescer provavelmente você precisará migrar para outra plataforma.

A outra forma de criar uma loja online gratuitamente é usando a plataforma WordPress.

Vantagens de Usar WordPress
  1. Software original está disponível de forma gratuita para qualquer pessoa. Isso significa que, se seu negócio crescer muito na internet a ponto de você precisar de uma infraestrutura mais robusta para personalizar compra e venda online e até suportar mais acessos, essa plataforma não te deixará na mão;
  2. Possui um editor visual para redação do conteúdo e outro para personalizar o tem;
  3. Possui mais de 38 mil plug-ins gratuitos. Então, se você precisar mudar algo no seu site, como por exemplo criar um formulário de contato, criar galerias ou até colocar controles deslizantes, muito provavelmente já existe um plug-in que te ajude com isso perfeitamente bem;
  4. Possui milhares de temas gratuitos e pagos disponíveis para uso;
  5. É mais personalizável;
  6. Possui plano gratuito;
  7. É mais profissional;
  8. É o mais seguro;
  9. Também é a plataforma mais usada em todo o mundo.

 

Desvantagens de Usar WordPress
  1. Plano gratuito é muito limitado, de forma que a maioria das possibilidades oferecidas por versões gratuitas de outras plataformas de criação de sites como o Wix não estão disponíveis nessa versão. E os planos pagos custam a partir de R$ 12,00 por mês;
  2. Para o site funcionar você precisará de um domínio e um provedor de hospedagem, o que já te permitirá personalizar o link da sua loja. Isto é, pois, a versão gratuita obrigatoriamente terá “.wordpress” no endereço eletrônico;
  3. Para ter total controle da aparência da sua loja você precisará usar diferentes menus e editores. Em alguns casos, será necessário o uso de conhecimento de programação como HTML e CSS. Mas, esses últimos casos são para personalizações mais avançadas e podem ser aprendidos em tutoriais na internet.

Como você já viu, o WordPress pode parecer mais difícil de usar para um iniciante, mas ele é muito melhor e oferece muito mais recursos para sua loja online já começar com tudo.

Por isso, a seguir, vamos te ajudar com dicas de plug-ins que vão facilitar seu início nessa plataforma.

Plug-ins Grátis para Loja Virtual do WordPress

Veja 5 plug-ins grátis que facilitam a criação de loja no WordPress.

  1. O WooCommerce possui algumas gratuitas úteis para montar sua loja online fácil. Ele facilita incluir cálculo de frete em tempo real e possibilita oferecer entrega grátis.
    O Woo também ajuda a receber todos os tipos de pagamentos digitais, como o PayPal, por exemplo.
  2. Por sua vez, o iThemes Exchange ajuda empreendedores que priorizam facilidade quando o assunto é a gestão da própria loja online.
    Com esse plug-in, você instala funcionalidades base de loja online sem dificuldades: botões de compra; modos de pagamento simples; gerenciamento de pedidos e etc. Instale ainda outras ferramentas para ampliar ou acrescentar recursos nele.
  3. Já o plugin WP E-Commerce possui várias funções estratégicas de gestão comercial para sua loja. Uma delas te ajuda a exportar relatórios completos em formato CSV (planilhas para Excel ou do Google).
    Também dá para incluir cupons de desconto. Auxilia a fazer marketing inteligente, que mostra itens relacionados ao que seu cliente estiver vendo. Com ele, é possível colocar botões para dar like em um produto no Facebook.
    O plug-in também se integra com o Google Analytics, para facilitar a análise de visitas, entre outras coisas.
  4. Outra opção grátis é o MarketPress. Um diferencial dele é a venda de produtos físicos e digitais. Ajuda a receber em quase todas as moedas existentes. Tem ainda: checkout de apenas uma página; integração com redes sociais; uso de cupons de desconto; gerenciamento de inventário e pedidos e etc.
  5. O plug-in Shopp te ajuda a criar seus próprios modelos de documentos usados nas vendas, como recibos e confirmações de pedido. Oferece: integrações com sistemas CRM (e-mails de clientes); e exportação para arquivos CSV. Conta com temas para sua loja, para e-mails e estilos visuais para seu site.

 

2 – Como Vender Online no Elo 7

Outra ótima forma de como ganhar dinheiro trabalhando em casa é usando a plataforma Elo 7.  Pois, ela é uma ótima plataforma para você vender seus artesanatos na internet. E nem precisa ter uma loja virtual.

Sendo assim, por lá, você pode criar a sua conta (uma miniloja) para vender seus produtos de forma prática, rápida e simples.

Para usar o Elo 7, você nem precisa ter uma empresa, pois pode fazer o seu cadastro como pessoa física mesmo (CPF). E lá, seus clientes poderão comprar seus produtos e te pagar com cartão de crédito ou boleto bancário, por meio de um sistema chamado Moip.

Assim, o valor das vendas é creditado diretamente na conta bancária d pessoa física que você cadastrou no Elo 7. Contudo, você paga uma taxa de 12% por cada pedido efetuado.

E para começar a vender é muito fácil: basta fotografar seus artesanatos e cadastrá-los na sua conta no Elo 7.

Outra vantagem do Elo 7 é o tráfego qualificado. Isso é, você não precisa correr atrás de clientes estratégicos para vender, pois, quase todo mundo já busca por artesanatos nessa plataforma.

3 – Como Vender Online no Shopee

O Shopee é outra plataforma de vendas online gratuita e muito fácil de usar. Funciona tipo o aplicativo OLX: você cria a sua conta, cadastra seus produtos e recebe o valor de cada venda na conta bancária informada.

A Shopee está crescendo muito no Brasil. E, diferente das outras, ela traz uma facilidade incrível: oferece frete grátis para os clientes. Ou seja, isso é ótimo para quem está começando um negócio novo de vendas na internet.

Pois, atrai muita gente para a plataforma, porque o custo do frete é uma das maiores barreiras que impedem as pessoas de comprar online.

Além disso, após cadastrar seus produtos por lá, melhore sempre seus anúncios e fotos para “turbinar” seu negócio nessa plataforma. Ela também cobra comissões de 12% sobre o valor total de cada produto vendido.

Também é possível vender por encomenda no Shopee, já que essa plataforma permite que você configure a quantidade de dias que precisa para enviar o produto após o cliente finalizar a compra. Contudo, a Shopee só deixa que 10% dos produtos de cada loja na plataforma sejam vendidos na modalidade pré-encomenda.

Ou seja, vale misturar poucos produtos de produção demorada com uma maioria de artesanatos possíveis de produzir em até 3 dias (prazo de envio da modalidade normal da Shopee).

4 – Como Vender Online no Mercado Livre

O Mercado Livre é o maior site de vendas e leilões do Brasil, por isso, anunciar nele é uma das nossas dicas de como ganhar dinheiro trabalhando em casa.

Pois, é muito provável que você anunciar seus produtos lá, conseguirá fazer a sua primeira venda muito rápido. Além disso, lá, você pode fazer anúncios grátis ou pagos (modalidade clássico ou premium).

Então, conforme mostramos na tabela abaixo, o que varia entre essas modalidades de anúncios são:

  • Exposição;
  • Duração;
  • Opção de parcelamento sem acréscimo;
  • Tarifa por venda de produtos de R$ 200,00 ou mais;
  • Tarifa por venda de menos de R$ 200,00 de qualquer tipo de artesanato.

 

Benefícios dos Anúncios de Produtos no Mercado Livre

 

5 – Como Vender Artesanato no Instagram

Ultimamente, as redes sociais estão revolucionando o mercado. Ou seja, elas são um dos melhores meios de como ganhar dinheiro trabalhando em casa. E por falar nisso,  o Instagram é a melhor opção para conseguir atingir o seu público e, assim, vender para ele.

Caso você não tenha muitos conhecimentos sobre a rede social, vale a pena pesquisar ou conversar com quem entenda. Não basta criar um perfil  interessante, com fotos bonitas dos seus artesanatos. Precisa apresentar informações úteis sobre o produto, que despertem valor e conquistem muitos clientes.

Mas, como é possível realizar vendas por meio do Instagram? Com a prática, você vai ver que as vendas acontecem de uma forma muito mais fácil do que imagina.

Para começar a fazer publicações dos seus artesanatos no Instagram, é preciso fazer algumas adaptações em seu perfil para alcançar o seu público. Veja algumas sugestões abaixo:

  1. Converta a sua conta para o modo comercial, por ela você vai conseguir ter acesso aos insights, para avaliar sua métricas e engajamento do público. Assim, saberá se está indo bem com as suas publicações.
  2. Foque em um único nicho, escolha quais tipos de artesanato você irá produzir. Essa escolha vai te dar autoridade no assunto e você vai conseguir passar confiança para os seus seguidores.
  3. Utilize o Instagram Shopping, essa é uma ferramenta que vai deixar o seu perfil a cara de uma loja online. Nele é possível ter catálogo, produtos etiquetados e links diretos para o canal de vendas.
  4. Tenha link na bio, é um acesso fácil que encurta a jornada de compra do cliente. Quanto mais facilidade ele tiver para adquirir o seu produto melhor.
  5. Publique fotos que chamem atenção, registre seus artesanatos em ambientes claros e escolha um cantinho especialmente para expor o produto.

 

6 – Como Postar Fotos para Vender no Instagram

Então, para saber como ganhar dinheiro trabalhando em casa com o Instagram, você precisa entender que ele é uma vitrine extremamente visual. Ou seja, mais do que parecer, precisa ser perfeito.

Por isso, as pessoas gostam de ver fotos e de assistir vídeos que deixam evidente para que serve o item que estão comprando.

Ou seja, invista bastante na qualidade das fotos dos seus artesanatos antes de postá-las. Contudo, você não precisa ter uma câmera profissional, pois pode fazer as fotos direto com o seu celular.

Porém, tente fotografá-los  em um ambiente limpo e vazio, de forma que eles sejam o foco da imagem. Você pode até compor o cenário, desde que não carregue demais o visual final com muitas informações que roubam a atenção que deveria estar no seu artesanato.

Lembre-se sempre de limpar a câmera do celular antes de tirar as fotos ou gravar os vídeos ou começar uma live shop. Caso não consiga tirar boas fotos, faça um curso online de fotografia de produtos para Instagram.

Além das ótimas fotos, a organização e a coerência das postagens do seu feed são primordiais. Ou seja, o cliente precisa olhar para a página da sua empresa no Instagram e perceber uma identidade visual, uma lógica de paleta de cores e, claro, ver os seus produtos, ter vontade de comprá-los.

Como exemplo, recomendamos que você se inspire em instagrans de outras artesãs já mais experientes no mercado de lembrancinhas personalizadas. Como é o caso abaixo da Fernanda Estevão, que alimenta lindamente a página comercial da sua loja de arquivos digitais Santa Ideia Criativa:

Instagram é forma de Como Ganhar Dinheiro Trabalhando em Casa

 

7 – como ganhar dinheiro com Parcerias Comerciais

Fazer parcerias comerciais com outras artesãs ou até com pequenas lojas pode ajudar a alavancar sua vendas. Dessa forma, você pode criar combos de artesanatos em parcerias com amigas, por exemplo, que ofereçam produtos diferentes dos seus.

Então, as duas partes divulgam o kit nas suas redes sociais e de contatos e as vendas são divididas proporcionalmente ao valor dos produtos previamente acordado. Isso, funciona demais para quem está começando nesse mercado.

Além disso, se você cria topos de bolos personalizados, por exemplo, pode procurar uma loja pequena perto de você que venda produtos de confeitaria, como forminhas, velas, boleiras, etc. Então, você propõe de vender seus topos de forma comissionada lá.

Ou seja, você você vai pagar uma taxa por cada topo seu que a loja vender e, ela te repassa o restante. Isso é, quase como um sistema de comodato. Contudo, para aumentar a segurança, vocês podem até assinar um contrato de parceria comercial. Assim, cada aspecto do combinado fica registrado.

Além disso, você também pode trocar divulgações de produtos. Assim, você divulga os da sua amiga artesã nos seus círculos e ela divulga os seus nos delas. Dessa forma, vocês geram até uma troca de seguidores engajados nas redes sociais, o que é ótimo.

8 – emitir nota fiscal para vender para empresa

Ao divulgar artesanatos bonitos e de qualidade, provavelmente você atingirá clientes que trabalham em empresas e que queiram comprar seus produtos para elas.

É porque as organizações sempre têm demandas para brindes de datas comemorativas, aniversários de funcionários, papelaria corporativa personalizada, etc.

Mas, quase todas as empresas só compram artesanatos de artesãos que conseguem emitir Nota Fiscal. E nem é chatice ou frescura das empresas, pois as atividades comerciais são fiscalizadas pela Receita Federal.

Contudo, você só conseguirá emitir Nota Fiscal se não tiver um Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica – CNPJ, que é tipo o CPF da sua empresa de artesanatos.

O que é MEI?

Porém, não se preocupe, pois existe um CNPJ grátis criado exatamente para empreendedores iniciantes como você. É o MEI, que significa Microeemprendedor Individual, ou seja, um profissional autônomo como você.

Ou seja, quando você se cadastra como um MEI, você passa a ter o tão importante CNPJ.

Vantagens do MEI

Agora, confira a lista de benefícios incríveis que você recebe imediatamente só de criar um MEI:

  1. Além da possibilidade de emitir Notas Fiscais – NF, ter um MEI gera outras facilidades, conforme te contamos a seguir:
  2. Direito a Auxílio-maternidade;
  3. Direito a Afastamento Remunerado por problemas de saúde;
  4. Aposentadoria;
  5. Conta com cobertura da Previdência Social para você e sua família;
  6. Com um MEI, você é inclusa no Simples Nacional e, portanto, ficará isento dos tributos federais (Imposto de Renda, PIS, Cofins, IPI e CSLL);
  7. Abertura de Conta Bancária empresarial, que tem mais benefícios do que a de Pessoa Física;
  8. Acesso a Crédito para Empréstimos maiores e com juros mais baratos;
  9. Endereço Comercial Fixo para facilitar a atração de novos clientes;
  10. Mentoria, ajuda e apoio técnico do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas – Sebrae. Entre outras coisas, isso vai te possibilitar aprender a negociar e obter preços e condições nas compras de mercadorias para revenda; obter melhor prazo em compras por atacado; gestão para obter melhor margem de lucro na sua empresa de artesanatos.

Portanto, com o MEI, você consegue ter benefícios de quem trabalha com carteira assinada, mas mandando no seu negócio e nos seus horários! É bom ou não é?

Vale Fazer a Pena MEI

Aí você pode estar se perguntando: “Mas, as demandas corporativas são tão volumosas assim para compensar a burocracia de abrir um MEI e emitir uma Nota Fiscal para cada venda de artesanato que eu fizer?”

E a resposta para essa pergunta é que sim, as demandas de empresas são grande e você nem imagina o quanto. E a gente te prova com reportagens abaixo. Além disso, elas costumam pagar mais caro e pechinchar menos o valor do seus personalizados.

A imprensa oficial noticiou grande aumento na abertura de MEI’s em 2020. E a grande maioria desses novos microempresários são pessoas como você, que começaram a trabalhar em casa vendendo para empresas. Muitos deles, inclusive, são do mercado do artesanato.

Sendo assim, o site da Revista Veja destacou crescimento de 20% no número de MEI’s nesse período, conforme você vê na manchete abaixo.

 

Revista Veja registra aumento de 20% no número de MEIs em 2020

 

Por sua vez, o Portal G1 mostrou que o SEBRAE comunicou que o número de MEI’s ultrapassou a casa dos 11 milhões em 2020.

 

G1 noticia recorde do número de MEIs em 2020

 

 

Quanto custa ser MEI?

Para estar com seu cadastro MEI regularizado enquanto contribuinte, você vai precisar pagar um valor fixo mensalmente, um imposto. Isso é, quitar o seu Documento de Arrecadação do Simples Nacional – DAS.

Porém, esse preço varia conforme a categoria de atividade do seu negócio. Mas, a gente já te conta os 3 valores possíveis:

  • R$ 56,00 para Comércio ou Indústria;
  • R$ 60,00 para Prestação de Serviços;
  • R$ 58,25 para Comércio e Serviços (o MEI de Artesão, ou seja, você se encaixa aqui).

Esses valores servem para custear a Previdência Social e também os tributos específicos de cada atividade.

Quem Pode Ser MEI

Contudo, nem tudo na vida artesanal são flores! Sendo assim, para se enquadrar como MEI, é preciso atender os seguintes requisitos:

  1. Faturamento máximo de R$ 81 mil ao ano;
  2. Não ser sócio, administrador ou titular de outra empresa;
  3. Ter  no máximo 1 funcionário contratado;
  4. Exercer uma das mais de 400 atividades econômicas permitidas ao MEI Mas, não se preocupe, pois o artesanato está incluso entre elas.

 

Quem Não Pode Ser MEI

Todavia, muita gente também não pode ser MEI. E é claro que a Mimo Crafts te conta quem são essas pessoas agora:

  • Menores de 18 anos ou menores de 16 anos não emancipados;
  • Estrangeiros que não possuam o visto permanente;
  • Pensionistas e Servidores Públicos;
  • Profissionais Liberais, ou seja, todas as pessoas que possuem uma atividade regulamentada por um determinado Órgão de Classe . Esse é o caso dos médicos, psicólogos, advogados, arquitetos, jornalistas, economistas, entre outros, pois não exercem uma atividade empresarial.

 

Como Abrir CNPJ Grátis

Por fim, agora, vamos te ensinar o passo a passo de como abrir CNPJ Grátis, o MEI. É muito fácil, mas temos alguns truques infalíveis para te indicar abaixo!

Assim, rapidinho você terá o seu MEI 100% regularizado para uso, emissão de NFs e usufruto dos benefícios sociais e corporativos. Confira!

1 – Consultar a Viabilidade do Negócio

Antes de abrir seu MEI, você precisa pesquisar pela viabilidade da sua atividade aí no município ou no bairro em que seu negócio vai funcionar.

Como exemplo, na capital São Paulo, algumas atividades são proibidas de serem exercidas. Então, a fabricação de fogos de artifício e o serviço de moto-táxi, entre outras, não podem ser feitas em certas regiões por lá.

Portanto, confira se a atividade que você pretende exercer é permitida na cidade e no bairro onde ela será realizada. Basta consultar na Prefeitura ou na administração regional, para caso  você more no Distrito Federal.

2 – Cadastrar no Portal de Serviços do Governo

Verificada a viabilidade da atividade do seu negócio, o próximo passo é criar uma conta de acesso no Portal de Serviços do Governo Federal.

Se preferir, na Apple Store ou no Google Play, você pode baixar o app pelo app Meu gov.br e fazer isso direto do seu celular.

Caso você já possua esse cadastro, é só pular direto para o passo 3.

Para criar a nova conta, basta escolher uma das opções disponíveis nesse Portal e se cadastrar usando seus dados pessoais de cidadão.

3 – Abrir MEI no Portal do Empreendedor

Depois de criar sua conta no Portal de Serviços do Governo Federal, é hora de abrir o MEI no Portal do Empreendedor. Mas, não se preocupe, pois esse processo é completamente gratuito, online e rapinho de fazer.

Ou seja, em pouquíssimos minutos, você já terá finalizado tudo e estará com seu CNPJ de Microeemprendedor Individual em mãos. Então, aprenda a abrir seu MEI a seguir.

Para começar o processo de abertura do MEI, acesse o Portal do Empreendedor e clicar na opção “Formalize-se”. Após isso, o site vai pedir para você fazer log-in com a sua conta criada no passo anterior.

Em seguida, é a vez de você incluir as informações do seu negócio, como por exemplo, as atividades, o endereço onde elas serão realizadas, nome fantasia, entre outras.

Ao finalizar esse cadastro de MEI, as inscrições no CNPJ, na Junta Comercial e no INSS são realizadas instantaneamente.

Dessa forma, a formalização pode ser comprovada por meio de apenas um documento, o Certificado da Condição de Microempreendedor Individual – CCMEI.

Mas, isso é bem tranquilo e fácil, pois esse documento já é emitido automaticamente ao final do processo de inscrição, na seção “Próximos Passos”.

Além disso, o CCMEI tem ainda valor de Termo de Ciência e Responsabilidade com Efeito de Dispensa de Alvará e Licença de Funcionamento. Ou seja, isso quer dizer que já autoriza o imediato funcionamento da atividade a ser exercida pelo seu MEI.

Logo, com isso, você não precisa assinar nenhum papel nem enviar documentos e cópias. Muito fácil e simples, né? Então, absolutamente tudo para abrir um MEI é feito pela internet mesmo.

MEI Precisa Cumprir a Lei

Apesar de ser dispensado de ter alvará ou licença de funcionamento para começar suas atividades, é obrigatório que o MEI  cumpra todos os requisitos legais para o exercício de suas funções.

Isso é, dessa forma, o empreendedor não está isento de ser submetido a fiscalizações relacionadas aos seguintes aspectos da Legislação Brasileira:

  • Trabalhistas;
  • Sanitários;
  • Ambientais;
  • Metrológicos;
  • de Segurança Contra Incêndio;
  • Uso e Ocupação do Solo;
  • Por fim, mas não menos importante, O MEI também pode ser fiscalizado pela Secretaria da Receita Federal, ou pelas Secretarias de Fazenda dos Estados, ou ainda pelas Secretarias Municipais de Finanças. Nesse caso, a fiscalização averigua o cumprimento ou não das obrigações fiscais da sua empresa.

Enfim, a gente está na torcida para que essas dicas de como como ganhar dinheiro trabalhando em casa te ajudem! Portanto, é hora de colocar esse conhecimento em prática.

Mas, não esqueça de deixar seu comentário aqui embaixo, contando suas experiências, dúvidas ou que achou desse post. Pois, o seu relato pode servir de inspiração para outras mulheres!

Sucesso e até o próximo post!